Fique por Dentro


Qual é a importância da amamentação?

05 de agosto de 2019 por Humana

Nós sabemos que o leite materno tem várias funções importantes para uma criança, e é por isso que a amamentação realizada de forma exclusiva é recomendada pela Organização Mundial da Saúde do quarto ao sexto mês e complementada até os dois anos ou mais de idade.

O leite materno é a melhor opção? Até quando?

Muitas mamães deixam de amamentar por acreditarem que outros alimentos possam ser mais nutritivos para o bebê. Mas, o leite materno é a melhor forma de alimentar uma criança nos seus primeiros meses de vida. Alguns bebês, por inúmeros fatores, não conseguem ser amamentados e nesses casos o aleitamento é feito com o auxílio da mamadeira.

Quais são os benefícios do leite materno?

Desde que não haja contra indicação médica, o leite materno é um alimento completo que já é fornecido na temperatura adequada, com todos os nutrientes, e na quantidade adequada, que o bebê necessita. Mas, além da nutrição o leite materno traz inúmeros benefícios como:

  • Diminuição da taxa de mortalidade;
  • Proteção contra doenças respiratórias;
  • Fortalecimento da imunidade;
  • Fortalecimento dos ossos;
  • Prevenção contra o desenvolvimento de alergias;
  • Auxilia na diminuição das cólicas;
  • Combate a anemia;
  • Auxilia no crescimento e no desenvolvimento cognitivo.

A mãe também tem benefícios?

Não é só o bebê que se beneficia, a mãe também tem benefícios com essa prática. Dentre eles podemos citar a aceleração da recuperação pós parto reduzindo os riscos de hemorragias; o auxílio na redução de peso e no risco de desenvolvimento de câncer de mamas, endométrio e ovários. Além de ser de graça, natural e bastante prático é durante a amamentação que o vínculo afetivo entre mãe e filho vai se formando.

Para demonstrar a importância dessa prática a Humana Medicina Reprodutiva está apoiando neste mês de agosto a Semana Mundial da Amamentação. Uma data muito importante de empoderamento e cuidado.

Mas o que é a Semana Mundial da Amamentação?

Desde 1992 mais de cem países celebram a Semana Mundial da Amamentação e é importante destacar que a falta de informações sobre o assunto ainda é bastante comum. Por isso o estímulo à amamentação deve se iniciar antes mesmo do nascimento do bebê. E, as mamães devem buscar informações e se conscientizarem da importância desse ato para o desenvolvimento e prevenção de doenças tanto para a mãe quanto para o bebê.

Saiba mais sobre esse movimento lendo o artigo da
IBFAN (Rede Internacional em Defesa do Direito de Amamentar – International Baby Food Action Network: